O problema da racionalização (Marcos 6:1-6)

Estava falando com a minha família e psicóloga que tenho esse problema, o de racionalizar tudo. Na verdade meu fisioterapeuta fala que tudo eu corticalizo, ou seja, pra eu executar “simples” tarefas do tipo andar penso comigo “primeiro o calcanhar, depois piso forte, impulsiono, levanta o joelho e foi! Dei um passo”. Outro exemplo e esse foi o que mais pegou dia desses porque interferia na maneira que eu andava. Relaxar o músculo para que o fisioterapeuta soltasse meu quadril, eu pensava “preciso relaxar, mas como?” E aí eu perguntava “como faço isso” e a resposta era sempre “apenas relaxa, respira, solta o corpo” e por mais que eu repassasse essa sequência na cabeça não conseguia atingir o objetivo que era relaxar porque lá estava eu tentando levar para o campo da racionalização algo que quando deitamos na cama é o que fazemos…. Soltar o corpo! Resultado, aquele dia a fisio foi um desastre.

Por que estou falando isso? Porque estava lendo um texto no livro de Marcos e aparece uma situação em que o povo racionaliza algo que eles deveriam simplesmente crer. E essa racionalização os levou a não enxergar com os olhos da fé o que estava acontecendo e com isso o texto fala que Jesus “não pode” fazer mais milagres a não ser algumas curas naquele lugar.

Enquanto Jesus pregava, apesar de reconhecerem a sabedoria, começaram a se perguntar se aquele não era o filho do carpinteiro com irmãos e irmãs que moravam naquele lugar, como se aquilo o descredenciasse para demonstrar as maravilhas do Reino de Deus.

Fiquei pensando quantas vezes perdemos de ver e viver o Reino de Deus com todas as suas maravilhas porque levamos para o campo do racional algo que apenas nossos olhos da fé poderiam ver.

Para experimentar tudo o que Deus tem pra nós precisamos desligar a chavinha do racional e acionar a alavanca da fé. A fé nos faz ver e viver milagres, mesmo quando todos a sua volta duvidam, quando há fé no filho de Deus ele vem e nos cobre com seu Espírito.

Foi tão intensa a falta de fé em Nazaré que o texto termina dizendo que Jesus ficou admirado com a falta de fé deles. Uau! Eles estavam com o filho de Deus, o Messias e não perceberam.

No que diz respeito a fé, algumas situações durante alguns anos me ensinaram a tirar as situações do natural e trazer para o sobrenatural, em determinados momentos a certeza era tanta que talvez alguns olhavam pra mim e pensavam “acho que ela não enxerga a situação, como pode ter tanta paz?”. E o tempo passava e conseguia enxergar no natural tudo aquilo meus olhos espirituais estavam vendo. Tenho visto muitos milagres com meus olhos da fé.

Foi fácil ou tem sido fácil? Não! Porque como comecei esse texto, o meu natural me leva a racionalizar tudo, mas como um exercício comecei a ver primeiro no espírito, quando o medo vê, coloco tudo aos pés do Senhor como Paulo nos ensina em Filipenses 4:6 “Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que vocês precisam e orem sempre com o coração agradecido”, e assim fui construindo a minha fé.

Como você tem visto as situações? Com os olhos da fé ou apenas com os olhos naturais, racionalmente?

Jesus disse que quando ele fosse para o Pai veríamos milagres ainda maiores do que os que ele realizou e que se pedíssemos em seu nome veríamos muitas coisas extraordinárias acontecendo. Eu creio nisso e você?

Não seja como o povo de Nazaré, viva e experimente o reino de Deus com os olhos da fé e não os naturais.

“Jesus voltou com os seus discípulos para a cidade de Nazaré, onde ele tinha morado. No sábado começou a ensinar na sinagoga. Muitos que o estavam escutando ficaram admirados e perguntaram: — De onde é que este homem consegue tudo isso? De onde vem a sabedoria dele? Como é que faz esses milagres? Por acaso ele não é o carpinteiro, filho de Maria? Não é irmão de Tiago, José, Judas e Simão? As suas irmãs não moram aqui? Por isso ficaram desiludidos com ele. Mas Jesus disse: — Um profeta é respeitado em toda parte, menos na sua terra, entre os seus parentes e na sua própria casa. Ele não pôde fazer milagres em Nazaré, a não ser curar alguns doentes, pondo as mãos sobre eles. E ficou admirado com a falta de fé que havia ali. Jesus ensinava nos povoados que havia perto dali.”
‭‭Marcos‬ ‭6:1-6‬ ‭NTLH‬‬

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s